quinta-feira, 1 de setembro de 2011

São Chico terá mais 4 vereadores

São Francisco do Sul terá treze vereadores a partir de 2013. Pelo menos foi o que decidiram cerca de dez representantes de partidos políticos durante reunião na Câmara de Vereadores nesta terça-feira (30). O PMDB se comprometeu a retirar o projeto de lei que fixava em nove o número de cadeiras.

No mês passado os três representantes da sigla no Legislativo haviam apresentando a proposta, que agora estava em análise nas comissões antes de ir a votação em plenário. Pelo menos seis votos seriam necessários para que a emenda à Lei Orgânica fosse aprovada. Com a decisão desta semana, os vereadores só precisarão informar à Justiça Eleitoral sobre o alcance do teto do número de vagas no parlamento. A Lei Orgânica Municipal (LOA) já previa treze cadeiras. 


Para o vice-prefeito e presidente do PDT, um dos partidos que articulou o encontro, a mudança será positiva. “O que a gente precisa entender é que treze dá mais representatividade para o município. O gasto é o mesmo”, afirmou Dorlei João Antunes, em entrevista ao programa de rádio apresentado pelo blogueiro na manhã seguinte à reunião.

Pelas palavras do pedetista – vereador por dois mandatos – houve um acordo para que o PMDB não acumule sozinho um eventual desgaste por ter desistido da proposta de deixar a Câmara de Vereadores de São Francisco do Sul com nove cadeiras.

Embora não haja previsão de aumento no percentual repassado à Câmara pela Prefeitura – atualmente em 7% da arrecadação líquida –, poderá diminuir o valor que retorna ao cofre no final do ano.


Sem mexer na lei para mudar a composição da Câmara. Dirigentes
partidários após a decisão de passar o número de vereadores de nove para treze
(foto: Câmara/divulgação)


Vice responde. Dorlei vê distorção na interpretação
de quem acha que mais vereadores gerará mais despesas

Vídeo. A reunião entre os partidos pode ser assistida aqui.

8 comentários:

  1. Se já era difícil encontrarmos 9 bons vereadores, quem dirá 13. O fato concreto é que, independentemente do número de vereadores, é preciso que nós, eleitores, aprendamos a escolher melhor os nossos políticos. A atual composição é fraca, indiscutivelmente. As anteriores, idem. É preciso mais engajamento de nosso povo. Enquanto não houver compreensão de que a política é uma das coisas mais importantes na vida de uma cidade, continuaremos marcando passo. Alguns tipos de políticos precisam ser banidos de nossa câmara, entre eles: os Profissionais da política (pessoas sem profissão que dependem financeiramente do cargo), os Vendedores de favor(pessoas que se beneficiam de seus cargos ou instituições públicas para prestarem pequenos favores em troca de votos), os Coitadinhos (eu vou votar no fulano porque ele merece, ou porque ele sim precisa), os Boa gente (vou votar no fulano porque ele é muito boa gente). Antes de votar, temos que fazer uma única pergunta: se fosse um empresário, eu contrataria esse candidato para gerenciar a minha empresa?

    ResponderExcluir
  2. Sareh,

    você deveria falar sobre o dinheiro pago para essa empresa que trasmite a sessão da camara, mal e porcamente.
    não consigo assitir uma sessão.
    ta cada vez mais dificil
    é preciso ter muita paciencia.
    acabei de mandar uma msg pelo site da camara,
    tenho feito as denuncias por la, mais como não resolvem nada, vou começar a denunciar por aqui
    imagina que devem pagar uns 2 mil reais por mes, no minimo, isso em 12 meses são 24 mil no minimo, se so for isso que for pago mesmo, se não for mais.
    para pagar uma fortuna e não fazer nada.

    toma jeito João do Gas

    ResponderExcluir
  3. Mateus Müller de Oliveira2 de setembro de 2011 09:44

    Prezado Saréd, Bom Dia!

    É lamentável ter sido aprovado o Projeto de 13 Vereadores, pois sabemos que há a vulnerabilidade de termos mais Vereadores, querendo benefícios para seus partidos e apresentando poucos resultados à população francisquense; estes partidos concordaram mutuamente em 13 Vereadores, por desejarem ter 1 Vereador na Câmara, só que muitos destes partidos iriam negociar cargos com o Executivo Municipal, não estando dispostos a um trabalho de árdua fiscalização dos gastos públicos e legislação em benefício do bem-estar social; é desnecessário 13 Vereadores. A Política aqui em SFS nos decepciona! É uma pena! O Certo mesmo, seria a convocação de Audiências Públicas para o povo conjuntamente decidir por 9 ou 13 Vereadores, não ficando a decisão quase que restrita aos Partidos Políticos presentes na cidade.

    Abraço,
    Mateus.

    ResponderExcluir
  4. Me engana que eu gosto. Mais gente na mesma torneira vai ter que aumentar o diâmetro da teta. Todos os interessados no aumento do número de vereadores batem na mesma tecla: não haverá aumento do repasse de verba para a Câmara. Falam também que os vereadores "economizaram" determinado valor e o devolveram para a Prefeitura. Na verdade não tiveram como gastar, DENTRO DA LEI, o total recebido, ou seja, está havendo um repasse MUITO MAIOR do que o necessário. É cristalino: se nove vereadores têm um custo, treze terão mais. Além disso, na primeira oportunidade a grita por aumento do repasse será ouvida nos corredores, nas ruas e no plenário da Câmara.

    ResponderExcluir
  5. Caro Almir Wagner,
    Concordo plenamente e assino embaixo. A esperança dos partidos menores é chegar lá, mas este é o caminho errado. Só vai aumentar a chance dos grandes em colocar mais gente na Câmara, em função da lei atual. Devem eles procurar aumentar o número de filiados e unirem-se sob a mesma bandeira, deixar de serem partidos de aluguel, feito pêndulo de relógio, oscilando para um e outro lado. A Câmara parece um feudo, onde vereadores e meia dúzia de donos de partidos querem mandar e decidir os destinos da cidade, deixando de lado o interesse do eleitor, que paga a conta e olhando apenas o seu próprio. Vereadores devem ouvir e defender os interesses dos eleitores em primeiro lugar. Eles NÃO são vereadores dos partidos são representantes daqueles que os elegeram, o POVO.

    ResponderExcluir
  6. Imagina mais quatro ligeiro fazendo as famosas viagens que até hoje nunca trouxeram nada de bom para SFS a não ser um escândalo com os gastos em diárias,gastaram mais que muita cidade com o triplo de eleitores até mais.
    Povo de SFS tá chegando a hora da gente da um baita pé na B desse vereadores.

    ResponderExcluir
  7. Meus deus, como tem gente sem instrução...

    1 o repasse eh definido pela constituição, lei maior..não pode ser alterado.
    2 pq so o PMDB não quer o aumento?
    3 com mais vereadores vai ficar mais dificil os acertos politicos.
    4 a camara tem 7 cargos comissionados, se ficar com nove, o pmdb continua com 4 cargos, para eleger a mesa, se subir para 13 sera preciso 7 para compor a mesa, ficando como partido com apenas um cargo...
    5 usando ou não o dinheiro vem e fica parado.
    6 eles so devolvem pq são obrigados...
    7 veja no site http://portaldocidadao.tce.sc.gov.br/home.php?idmenu=municipio&menu=governolicitacao&nu_ano=2011&id_modalidade=1&id_processo=637111
    o valor pago para a transmissão da sessão on line, 77.559,30 por 12 meses da 6.463,27 imagine so, seis mil por mes são seis sessões por mes...isso da 1.000 reais por sessão...
    um absurdo.
    e agora...vamos fazer oq
    quem quiser checar os contratos da camara e da prefeitura so entrar no site do TCU e ver tudo que eh gosto em tempo real
    ateh pode aumente o numero de vereadores, mais nos temos que fiscalizar mais.

    ResponderExcluir
  8. Colega Júlio César Leal, o amigo está confundindo falta de instrução que é carência de educação formal, com ignorância que é o desconhecimento de algo ou de algum acontecimento. É certo que a educação deixa muito à desejar em nossa cidade assim como temos poucos meios para tomar conhecimento dos acontecimentos citadinos (este blog é um deles).
    Realmente o repasse é determinado pela Constituição que delimita uma FAIXA, não um valor fixo, porque então não escolher o MENOR percentual? Mais vereadores, assessores e que tais vão aumentar os custos da Câmara.
    E, só devolvem porque são OBRIGADOS, quando não conseguem GASTAR TUDO dentro da lei. Quanto mais vereadores maior o gasto e logo estarão pleiteando suplementação.
    Quanto ao número de vereadores do partido "A" ou "B" vai depender apenas do nosso voto, se não gostamos não votemos neles, simples assim...

    ResponderExcluir