segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Nota de esclarecimento - reprodução sem autorização

Abaixo, nota divulgada no programa de rádio apresentado pelo blogueiro.



O Na Boca do Povo esclarece que foi o jornal Gazeta das Praias, e não o inverso, que usou indevidamente a matéria jornalística intitulada "Polêmica Lei do Zoneamento nas mãos dos políticos francisquenses" [também publicada no Blog]. Na segunda-feira passada, o texto escrito por este apresentador que vos gralha, havia sido veiculado por ele mesmo aqui no progrrama. Na quinta-feira, ao receber o jornal Gazeta das Praias, o apresentador se surpreendeu ao se deparar com o texto publicado sem sequer haver a sitação da fonte. O que por si só... a citação da fonte, não autoriza o jornal a produzir o texto, que é protegido por direitos autorais, conforme destaca o inciso 27 do artigo quinto da Constituiçã Federal. Segue trecho: "aos autores pertence o direito exclusivo de utilização, publicação ou reprodução de suas obras".
De acordo com a Associação Brasileira de Direitos Autorais dos Jornalistas, as violações aos direitos autorais mais comuns na profissão de jornalista são a ausência de crédito, alteração de original, plágio, reprodução por terceiros sem autorização do autor, reutilização para outros meios de um mesmo grupo. O programa lamenta a repetição do fato, já ocorrido este ano, quando o jornal A Tribuna de Santa Catarina publicou uma entrevista inédita com o diretor do Terminal Marítimo Mar Azul. Ambos os casos são passíveis de ações judiciais. 
De público, o apresentador pede aos diretores dos jornais Gazeta das Praias e A Tribuna de Santa Catarina - respectivamente, Guaracy Gonzales e Hélio Vaz, atual e ex-integrante da assessoria de comunicação da Prefeitura - que se esforcem para nortear suas publicaçoes com a máxima ética possível. Quanto é esse "possível", cabe a cada um julgar. O que o apresentador não quer - nem que por dinheiro - é ter o nome associado a qualquer veículo de comunicação que tem postura das quais o apresentador discorda. Princialmente no que diz respeito às relações entre a parte comercial e a parte editorial.

8 comentários:

  1. É Sared, lamento muito a atitude do Jornal da Situação, pois, poderia ser um bom veículo para informar e divertir a população, porém, só enaltece o chefe-mor, fazer o que.

    Quem não tem competência .... copia.

    Pior que isso só o desinformativo municipal.

    ResponderExcluir
  2. Olha Sared, amigos e inimigos do CAIO13, estes folhetins Francisquenses , são todos uns lixos impressos.
    Na verdade a imprensa brasileira em sua grande maioria é UM TOCO DE ÁRVORE.
    Podemos contar nos dedos os bons jornalistas e os bons jornais , blogs e afins.
    Com relação a nossa realidade local,é hilariante a forma como escrevem ou melhor como vomiam besteiras nestes folhelixos.
    Apesar de vivermos num estado democrático, eles abusam do seus puxasaquismos para com os mandantes do poder.

    ResponderExcluir
  3. Agenor dos Passos2 de agosto de 2010 16:09

    A nossa imprenssa não é marrom, é "furta" cor, aproveitando o ensejo gostaria que um fonoaudiologo desse uma atenção aos nossos acessores de imprenssa, ninguem consegue falar São Francisco do Sul, só sai São Francisssssssssdosul,fora algumas pérolas!!

    Agenor dos Passos

    ResponderExcluir
  4. Até eu que era defensor ferrenho desta Administração, tô balançando não por causa do Prefeito, mas pelas trapalhadas de alguns Secretarios. Prefeito e amigo Luiz acorda. Houve teus verdadeiros amigos, aqueles que não querem nenhum cargo Publico, ou qualquer coisa em troca. Só queremos poder falar contigo, dizer onde vc pode consertar ou apenas remendar.

    ResponderExcluir
  5. Sared,quando vc vai fazer uma materia sobre o troca troca de vereadores e se continuam ou nao recebendo seus salarios doença hem

    ResponderExcluir
  6. A sugestão de pauta é excelente, ô das 19h57 de ontem. Vou colocar na lista, que, por eu ser sozinho, tá chegando nuns cinco metros! Obrigado!

    ResponderExcluir
  7. Em nossa bela cidade, só há um mídia correta e isenta de doenças ideológicas, é o BLOG do nossa amigo Sared! Quer notícia, acesse o Blog ou o Twitter, no mais, há quem escreva em jornais de má qualidade. Gente sem capacidade intelecutal para escrever ou apenas querendo ganhar uns trocados ou manter seus empregos.

    ResponderExcluir
  8. Você não foi o primeiro e, infelizmente, não será o último a ter esse tipo de problema. Na verdade, há jornal em que 20% - chutando alto – do conteúdo é, de fato, produção própria.

    Cheguei a enviar reclamação formal para a Adjori.

    Abraços!

    ResponderExcluir